Críticas Inúteis: Bidê

21:55

Das muitas três sugestões que recebi, escolhi falar do bidê, de acordo com a minha amiga Camila, esses posts não terão muita graça, vamos ver se consigo faze-la mudar de ideia. Decidi por falar do bidê primeiro de tudo porque não tinha muita noção do que era assim de primeira, só sabia que a palavra me era familiar, segundo pois acredito que seja algo de mais para se viajar. Para começar fui procurar o que era, achei algumas histórias relacionadas, eu mesmo tenho algo para contar sobre tal objeto. Bom, vamos ver no que dá, se não sair nada decente, esse será o primeiro e ultimo post desse tipo.



Para quem não sabia o que é um bidê como eu, é um vaso sanitário para abluções íntimas, ou seja, que merda são abluções? O bidê, normalmente feito de cerâmica, é colocado ao lado da privada e é usado normalmente por senhora e senhoritas e eventualmente  por mulheres. Possui um jato d'água lançado por válvulas que indicam a temperatura, desde calor no sertão até frio na serra com cheiro de lavanda. A água é lançada na vertical para se lavar as partes intimas, causando esporadicamente atrito com as mesmas, assim para algumas pessoas com muitos gatos, ganha uma nova utilidade e se torna indispensável. Em alguns exemplares existe a opção ducha, na qual se misturas água fria com a quente, ou vice-versa, podendo assim se lavar o corpo inteiro e não só "fazer um chuveirinho". No século passado bidê era algo indispensável na  high society, mas hoje em dia pessoas que possuem tal objeto lhe deram novas utilidades, começaram a chamar de primo da privada e a usar como pias para anão, baldes, vasos de plantas e como eu já acreditei uma vez, mijatorios. Sim, quando pela primeira vez que vi um bidê, com minha cabeça fértil, imaginei que a privada era para o número dois e o bidê era para o número um, me achei mais pobre ainda nesse dia, pensava "pobre é um animal mesmo, faz tudo num lugar só". Creio que hoje em dia só exista bidês no Japão, só que agora ele lançam jatos d'águas coloridos, falam com você e também é possível acessar seu Orkut.

Também se é comum usar bidês como bebedouros.

Vamos ver quais objetos vocês sugerem, e que livros são esses da Bandilma? Ops... Dilma?

You Might Also Like

5 Críticas

  1. ahahaha...minha gatinha adora tomar agua no bidê.Ele hoje se tornou um item raro,somente em casas antigas é encontrado.
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. hahahah, estou me matando de rir, um bidê que acesse o orkut, nossa seria interessante, muito hahahahahahaha, mas olha eu já morei em uma casa que tinha um bidê, nossa era inútil, ninguém usava, daí minha mãe, pegou terra,colocou lá dentro e plantou um bansai, nossa, dava um toque todo verde assim para o banheiro, era engraçada fazer as necessidades olhando aquela arvore, mas graças a deus nos mudamos daquela casa, mas o bidê realmente é muito inutil e para mentes libidinosas podem representar um objeto para sentir prazer e automaticamente se limpar. hahahahahaha
    mais uma vez falando da dilma assim, até vc meu lindo, é que as pessoas falam que a dilma não disse até hoje o nome dos livros que ela leu, então eles ficam falando isso para ver se baixam a moral dela, meu deus como esse povo é burro né, afffffffffffffffffffffffff... e não fala mais BANDILMA, não gosto... buá... rum... brincadeirinha, quando vai escrever sobre a jarra da CAMICADO???

    ResponderExcluir
  3. eu não acredito que realmente tenha usado o bide como vaso :O

    Jara, eu acho tão normal (não, não acho, é que vai ser muito dificil) .

    ResponderExcluir
  4. huahaha tá, até que foi engraçado, ainda mais essa imagem da menininha kkkkkkkk. Minha prima lembrou agora de um fato que aconteceu conosco que ja estava perdido em minha mente, ela disse que uma vez a gente não sabia que era o bidê e quando estavamos na casa da minha tia, tinha isso no banheiro e a gente foi mecher, quase afogamos na água que vinha em nossa cara hauahahah. Enfim...vc poderia falar do ESPANADOR. muwhahaha

    ResponderExcluir
  5. hahaha, vejo que todos tem uma historia com o bide.

    ResponderExcluir