Simplesmente, ando.

20:49

Ando meio que encontrado, na verdade, mas sabendo o que quero do que sempre achei. Pior do que saber o que quer sem ter, é saber o que não quer tendo. É, falo daquele pequena e chata parte da vida que diz respeito ao amor, paixão, seja lá como você chama. Eu gosto de apenas pensar como sentimento, só ele.

Ia até tentar escrever uma música, já que eu percebi que entendia uma totalmente errada, mas com uma letra legal, ou um poema, já que ouvi uma frase linda. Mas o melhor pra isso não seria escrever daquele que se gosta?! Se pensa gostar?! Se quer gostar?! E principalmente, daquele que você quer que goste de você!

Não gosto de ser meloso, triste, e como já te disse (será que eu lembrarei dele depois?), eu vivo em uma eterna risada, parando apenas para respirar.

Já que aqui é um CU, vamos falar de pessoas que vem antes de você e estragam tudo, e impedem a sua chegada, mas assim, não impedem a sua permanência, pretendo continuar, estar ali! Vai que ai ele me percebe.

Aproveitando o espaço conseguido aqui, gostaria de dizer, não pretendo escrever, ou escrever coisas desse tipo outras vezes, mas vejo que algo AINDA não mudou, é, somente eu continua.

Outra coisa, feliz por conseguir transformar alguma coisa que escrevi em algo mais real, como um curta, apesar de não ter saído tão igual assim, mas valeu a pena.

Queria eu ter um café agora, frio do caraleo!

You Might Also Like

0 Críticas